Warning: in_array() expects parameter 2 to be array, string given in /home/mixse325/public_html/wp-content/plugins/wordpress-mobile-pack/frontend/sections/show-rel.php on line 37

Fotógrafa retrata a realidade de 5 países onde ler é um ato de ousadia para as mulheres

15 05

2016

Nos países Árabes, um número enorme de mulheres não tem direito à alfabetização básica. A fotógrafa Laura Boushnak visitou alguns estados árabes para documentar o quadro da educação dessas mulheres. A série de fotografias intitulada “Eu Leio, Eu Escrevo” reúne registros de cinco países: Tunísia, Iêmen, Jordânia, Kuwait e Egito.

A Tunísia parece ser o Estado que oferece as melhores condições de ensino para as mulheres. Quando esteve lá, Boushnak concentrou sua atenção no papel das mulheres na militância política. A fotógrafa conheceu a estudante universitária Asma Iê, que tem rabiscada na parede do seu quarto a mensagem “O povo quer a queda do regime”, um slogan popular da Revolução de Jasmim, ocorrida entre 2010 e 2011.

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 2

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 3

Situação completamente diferente da encontrada por Boushnak na região rural do Iêmen, onde as meninas enfrentam salas de aula superlotadas e uma infraestutura precária.

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 4

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 5

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 6

Nos subúrbios de Amã, na Jordânia, Boushnak retrata a alfabetização de mulheres de cinquenta e sessenta anos. Pela manhã, durante duas horas, elas lêem o Alcorão, livro sagrado do Islã, e, depois, praticam o inglês e a matemática.

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 7

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 8

No Kuwait, onde a própria Boushnak cresceu, o número de mulheres que frequentam as universidades é igual ao dos homens. O diretor de uma das escolas visitadas pela fotógrafa acredita numa dupla ênfase em educação e cultura.

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 9

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 10

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 11

Já no Egito, onde dados de um relatório de alfabetização da UNESCO dizem que 34% das mulheres acima de 15 anos são analfabetas, Boushnak conheceu a Associação de Desenvolvimento e Valorização da Mulher, que oferece aulas gratuitas para as mulheres do bairro onde está localizada. Ela diz que muitas das mulheres que frequentam o programa são alfabetizadas, o que permite a elas ler os sinais de trânsito, contar dinheiro, ler prescrições médicas, e, o mais importante, incentivar seus filhos a permanecerem na escola.

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 12

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 13

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 14

Eu Leio, Eu Escrevo MIXSEA.COM.BR 15

“Eu quero aprender a ler e escrever para entender melhor a vida. Meu sonho é ser educada”.

Em uma bela apresentação no TED, a fotógrafa fala um pouco sobre o projeto e como ele a transformou:

Fonte: razoesparaacreditar

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2017 MixSea | Desenvolvido no Wordpress por Dk Ribeiro
%d blogueiros gostam disto: