Os Dois Mundos de Astrid Jones | Resenha

07 08

2015

os dois mundos de astrid jones

 

 

 

Título: Os dois mundos de Astrid Jones

Autor: A. S. King

Tradutor: Santiago Nazarian

Ano: 2012 (USA)/ 2015 (BRA)

Páginas: 287

ISBN: 978-85-8235-269-4

Editora: Gutenberg

Nota: Avaliação Mixsea

 

 

Os dois mundos de Astrid Jones é um livro interessante em que uma menina de dezessete anos que adora filosofia e observar aviões, fica em dúvida sobre sua sexualidade, em uma cidade preconceituosa onde todos devem ser perfeitos. Sua família tem muitos problemas, sua mãe é viciada em trabalho e seu pai é viciado em drogas. Durante a aula de filosofia, sua professora discute sobre uma frase de Zenão de Eleia que fala:”O movimento é impossível”; Intrigada com essa afirmação Astrid faz de tudo para provar o contrário.

“Mas é bom amar uma coisa e não esperar nada em troca. É bom não haver discussão nem pressão alguma, ou qualquer boato de qualquer baboseira. É amor sem amarras. É o ideal.” (p. 28) 

os dois mundos de astrid jones

A mensagem que o livro trás é boa, ele prega a aceitação e a busca pessoal para definir quem você realmente é, mas confesso que fiquei meio perdida em alguns momentos em relação aos sentimentos da Astrid. Uma das coisas legais no livro é que ela manda o seu amor para os aviões, pois cada passageiro tem uma historia e nenhum deles irá julgá-la, a historias dos passageiros que estão no avião e o motivo de estarem indo para seu destino, aparece ao longo do livro. Astrid guarda um segredo de sua melhor amiga, e quando esse segredo vem a tona todos a sua volta começam a ver o mundo de uma forma diferente.

“Eu sou igual a um piloto de avião e um mecânico de carro. Eu sou igual a você. Você é igual a mim. Isso é universal. Exceto que não é.” 

os dois mundos de astrid jones

Não é o melhor livro que já li, mas com certeza vale a pena conferir e tirar duas próprias conclusões, porque ele pode te surpreender.  Os dois mundos de Astrid Jones tem uma trama leve mas com assuntos importantes que temos em nossas vidas, não é uma leitura bobinha, apesar de ser rápida.

10 filmes que completam 10 anos em 2015

03 08

2015

É hora de encomendar os cremes rejuvenescedores, sentir o peso da nostalgia e aceitar que estamos ficando velhos. Os 10 filmes que vimos estreando ontem nos cinemas, em 2015 já estão fazendo dez anos. Todos são filmes que marcaram época e seguem na memória de modo muito afetivo em toda uma geração, lembre um pouco deles:

1. A Noiva Cadáver

Indicado ao Oscar de Animação e produzido por ninguém menos do que Tim Burton, a animação ganhou destaque pelo formato stop-motion, novidade em 2005. O longa conta esta cituado em um vilarejo europeu do século XIX onde vive Victor Van Dorst, um jovem que está prestes a se casar com Victoria Everglot, mas acidentalmente se casa com a Noiva-Cadáver  que o leva para conhecer a Terra dos Mortos.

2. Madagascar

Quem não lembra da canção tema do filme “Eu Me Remexo Muito?”. A animação caiu no gosto do público e rendeu mais duas continuações. A história é sobre o leão Alex que é a grande atração do zoológico do Central Park, em Nova York. Ele e seus melhores amigos, a zebra Marty, a girafa Melman e a hipopótamo Gloria, que sempre passaram a vida em cativeiro resolvem agora descobrir como é morar na selva, em Madagascar.

3. Sr. e Sra. Smith

A química entre Angelina Jolie e Brad Pitt fez com que a comédia de ação do diretor Doug Liman virasse um sucesso. John (Brad Pitt) e Jane Smith (Angelina Jolie) trabalham como assassinos de aluguel. No filme, eles são também casados, mas um não sabe do trabalho do outro e vivem atualmente uma vida entediada. A situação entre eles muda de rumo quando cada um recebe um novo trabalho de sua respectiva agência, que faz com que eles se encontrem para realizar a mesma missão.

4. Harry Potter e o Cálice de Fogo

Em 2005 já estávamos no quarto filme da série Harry Potter, que acabou há quatro anos. A adaptação neste ano se transformou no filme mais popular, o que já era esperado, já que era o livro preferido de muitos fãs. O filme é sobre como Harry Potter  é misteriosamente selecionado para participar do Torneio Tribruxo, uma competição internacional em que precisará enfrentar alunos mais velhos e experientes de Hogwards e também de outras escolas de magia.

5. A Fantástica Fábrica de Chocolate

Com muita fantasia, Tim Burton dirigiu mais uma refilmagem do filme A Fantástica Fábrica de Chocolate, o diferencial desta é que Burton deu mais voz ao Willy Wonka e não somente ao Charlie. A história é sobre Willy Wonka, excêntrico dono da maior fábrica de doces do planeta, que decide realizar um concurso mundial para escolher um herdeiro para seu império. Cinco crianças de sorte, encontram um convite dourado em barras de chocolate Wonka e com isso ganham uma visita guiada pela lendária fábrica de chocolate, que não era visitada por ninguém há 15 anos.

6. Batman Begins

Esse foi o filme que revolucionou a história do Batman nos filmes. Por décadas a Warner Bros fazia longas muito lúdicos para um herói como o Batman, chegavam a ser bem circenses, essa trilogia alavancou o mercado de super-heróis no cinema e fez com que o Batman fosse um dos mais aclamados. O enredo é sobre o milionário Bruce Wayne, que quando criança foi marcado pelo assassinato de seus paisdecide, ele então decide viajar pelo mundo em busca de encontrar meios que lhe permitam combater a injustiça e provocar medo em seus adversários. Após retornar a Gotham City, sua cidade-natal, ele idealiza seu alter-ego: Batman, um justiceiro mascarado que usa força, inteligência e um arsenal tecnológico para combater o crime.

continue lendo Mixsea

Continue lendo »

A luta por direitos da comunidade LGBT é representada no filme “Freeheld”

28 07

2015

Freeheld

“Freeheld”, sob a direção do Peter Sollett, e baseado em um documentário de mesmo nome vencedor do Oscar em 2008, é um filme baseado em fatos reais e conta a historia de Laurel Hester (será interpretada por Julianne Moore) que descobre um câncer já em estado avançado, e então, ela e sua parceira Stacie Andree (será interpretada por Ellen Page), começam uma intensa luta judicial para que Stace tenha o direito de receber a pensão de Laurel quando ela morrer.

Com atores gabaritados e historia relevante, o longa esta com muito potencial e já é um material para ficarmos atentos na corrida para o Oscar 2016. Confira o trailer:

Não e novo esse assunto de busca aos direitos LGBT, recentemente, os Estados Unidos legalizou em todos os estados, o casamento gay, e a luta vem aos poucos ganhando espaço, a proposta do filme é bem honesta e mostra alguns dos muitos sentimentos que eles têm ao lutar por seus direitos, mostra o preconceito e o apoio, envolvido em uma situação extremamente delicada, que é a doença terminal da personagem principal. Ao assistir o filme, é importante que esteja com o coração aberto e se coloque no lugar dessas pessoas que não querem seus direitos declinados só por amarem de um jeito que talvez não seja o seu.

Nos EUA “Freeheld” estreia em outubro ainda neste ano, não temos uma data de estreia definida para o Brasil.

Artista consegue explicar palavras intraduzíveis usando uma série de ilustrações

24 07

2015

Quando se trata de língua, estamos também nos referindo à cultura, já que a língua é o reflexo do povo em que atua. As línguas têm suas limitações, por isso, existem algumas palavras que são intraduzíveis, elas não fazem sentido em outras línguas ou não transmitem o mesmo sentimento que tem na língua de partida, ou a cultura da língua de chegada não admite tal significado.

Pensando sobre essas questões, a artista Maria Tiurina criou a séries “Untranslatable Words” (em português, palavras intraduzíveis), em que apresenta ilustrações mostrando o significado que algumas dessas palavras intraduzíveis têm em suas línguas de origem. Seu trabalho artístico é feito com uma ilustração e a tentativa de uma explicação da palavra, em inglês.

O trabalho é bem interessante e consegue tirar, nem que seja de maneira simplória, palavras importantes de algumas línguas do limbo onde estavam entre os idiomas, além de ter ilustrações muito significativas e bonitas:

Palavras Intraduzíveis

Cafuné (português brasileiro): o ato de correr os dedos ternamente pelos cabelos de alguém

image

L’appel Duvide (francês): “a chamada do vazio” seria a expressão traduzida de forma literal, mas sua melhor explicação seria descrever o instinto que surge de pular de prédios altos.

image

Schadenfreude (alemão): sensação de prazer ao ver a desgraça dos outros.

image

Luftmensch (ídiche): se refere a alguém que é sonhador, e literalmente significa pessoa aérea, nefelibata.

icon continue Mixsea

Continue lendo »

Wagner Moura brilha como famoso traficante na nova série “Narcos” da Netflix

22 07

2015

O talento de Wagner Moura é indiscutível e ele já nos provou isso muitas vezes, mas o seu papel de destaque na série promete mostrar isso ao resto do mundo.

“Narcos” conta a história do cartel de Medellín, um grupo de tráfico de drogas dos anos 80 chefiado pelo colombiano Pablo Escobar (Wagner Moura). O cara, um dos traficantes mais conhecidos do mundo, é perseguido pelos policiais vividos por Boyd Holbrook (“Garota Exemplar”) e Pedro Pascal (“Game of Thrones”) e tem diversas relações políticas pelo mundo. Os episódios de “Narcos” chegam ao Netflix no dia 28 de agosto.

© 2017 MixSea | Desenvolvido no Wordpress por Dk Ribeiro